ARLS pe. Vicente Feitosa  n.4697

Oriente de Caririaçu – CE

Jurisdicionada ao Grande Oriente do Brasil Ceará
Federada ao Grande Oriente do Brasil

Profundas reflexões da maçonaria: O simbolismo da cadeira de Salomão

O Poder da Cadeira de Salomão

A cadeira de Salomão é mais do que um simples assento na loja maçônica. Ela carrega uma simbologia profunda e um propósito engrandecedor nas tradições da Maçonaria. Quando o venerável mestre assume seu lugar nessa cadeira durante uma sessão ritual, ele não está apenas ocupando um móvel comum, está assumindo um papel de liderança repleto de significado.

O Significado da Cadeira de Salomão

A denominação “cadeira de Salomão” não é casual. Ela evoca uma figura bíblica associada à sabedoria, prudência e justiça. Isso ressalta a perspectiva única da Maçonaria sobre o poder. Em vez de ser chamada de “cadeira de César” ou “Trono de Alexandre”, a cadeira assume o nome do rei bíblico que personifica valores fundamentais. Essa escolha linguística não apenas liga o poder à sabedoria, mas também enfatiza que o exercício responsável do poder é essencial.

A Liderança Responsável na Maçonaria

A cadeira de Salomão não é apenas um lugar de autoridade, mas um local onde o poder é exercido com discernimento e ponderação. O venerável mestre que se senta nela recebe a responsabilidade de tomar decisões, guiar e dirigir a loja. No entanto, essa liderança não é ditatorial. A Maçonaria valoriza a liberdade individual e a concordância mútua. Embora a autoridade do venerável mestre seja inquestionável, sua eficácia reside em tomar decisões justas, sensatas e cuidadosamente consideradas. O poder, nesse contexto, é apenas tão valioso quanto a qualidade de suas decisões.

A Responsabilidade e Transformação do Venerável Mestre

A primeira vez que um venerável mestre se senta na cadeira de Salomão é um momento de introspecção. Ele percebe que está em uma posição de destaque, mas também sente o peso da confiança depositada nele. Os olhares dos irmãos se voltam para ele, esperando suas palavras e decisões. Essa experiência inicial é marcada pela sensação de estar sem uma rede de segurança. No entanto, com o tempo, o venerável mestre aprende a equilibrar a responsabilidade e a autoridade. Ele percebe que não precisa de uma rede de segurança, pois sua confiança em suas decisões é fundamental. A cadeira se torna um símbolo de liderança que não é sobre controle absoluto, mas sobre a habilidade de guiar e direcionar seus pares com sabedoria.

A Complexidade da Liderança na Maçonaria

Assumir a cadeira de Salomão é, de fato, aceitar o desafio de liderar iguais. Isso envolve tomar decisões ponderadas, ouvir a opinião dos outros e agir com responsabilidade. A cadeira não é apenas um lugar físico, mas uma representação tangível da complexidade da liderança na Maçonaria, onde o poder entrelaçado com a sabedoria e a prudência cria uma direção coletiva e significativa.

 

Como entrar na maçonaria?

Autor do site: Paulo Campos

Membro fundador da  A.:.R.:L.:S.: Pe. Vicente Feitosa n.4697

M.:M.: Grande Oriente do Brasil

Todos os direitos reservados a ARLS Pe Vicente Feitosa n.4697